domingo, 25 de janeiro de 2009

Religar e inventar....


Crença e Intolerância
A necessidade de fé não foi absolutamente provocada pelas religiões; foi ela, ao contrário, que as suscitou. As divindades não fazem mais do que fornecer um objecto ao nosso desejo de crer. Desde que ele se desvia das divindades, o homem entrega-se a uma fé qualquer, quimeras políticas, sortilégios ou feitiços. (...) Uma das mais constantes características gerais das crenças é a sua intolerância. Ela é tanto mais intransigente quanto mais forte é a crença. Os homens dominados por uma certeza não podem tolerar aqueles que não a aceitam.

Gustave Le Bon, in 'As Opiniões e as Crenças'

8 comentários:

KathY CatherYne disse...

"Os homens dominados por uma certeza não podem tolerar aqueles que não a aceitam."

É bem isso mesmo.,.,


KthY?

Nath disse...

o homem necessita de uma fé,de alguma coisa q lhes de um motivo,um pq de estarem aqui.....as pessoas tem medo do desconhecido,e esse medo faz com q elas se fechem pro novo!!!
a aceitação é uma coisa q o homem tem q trabalhar,naum só a do outro mas tbm a sua.....
FALA SERIO,VAMOS SAIR DESSA MERDA DE SISTEMA!!!!!!!

... disse...

deus é faz parte da mais inusitada criação humana, criação que só essa pode responder certas perguntas...morte, oque veio antes? o que será o amanha?....

http://opoestadeplutao.blogspot.com/

Marcelo F. Carvalho disse...

Pascal realiza um teoria (a favor) que é simplesmente deliciosa - vale a conferida. Aliás, L. Boff, em 2006, escreveu uma coluna (no, ainda, bom Jornal do Brasil) sobre e eu o postei em 2008:
http://resumodachuva.blogspot.com/2008/03/atualidade-da-aposta-de-pascal.html
________________________________
O religare é sempre um assunto complexo e rico, e Le Bon foi muito feliz na sua conclusão.

Léo Peres disse...

Estou sempre acompanhando seus textos. Estou passando aqui hoje para te dizer que através do meu blog "Léo ao Léu", indiquei seu blog para o selo "Olha que blog maneiro"! Passa lá pra mais detalhes!

Fernando Aldley disse...

Glaube, Liebe und Tod.

Na minha concepção a fé é a ignorância ou a aversão por toda verdade. Conforme foi aqui exposto, a fé, inerente ao ser humano, provoca a intolerância.

Não é a toa que grandes ditadores e demais totalitaristas através das épocas sempre entoaram hinos de fé aos seus seguidores.

Fé a pátria, raça, religião. Fato é que a fé é capaz de proporcionar ao ser humano uma limitada realidade através de morais pré-adquiridas.


[Off Tópic] Agradeço sua visita ao meu blog, peço desculpas por estar respondendo somente agora, tenho costume acessá-lo somente quanto posto algo novo.

Um forte abraço, suas idéias são parecidas com as minhas, pretendo visitá-lo mais vezes, me visite quando quiser também.

http://fernandoaldley.blogspot.com

Um forte abraço!

Leonardo Stravalli disse...

Concordo com o que disseste!
E no texto falo isso, porém não quero selos como esse último que recebi e no calor da emoção nem pensei, saí respondendo e distribuindo...

Se eu receber qualquer selo depois disso, aceitarei com maior carinho, mas pensarei se seguirei as regras, senão daqui a pouco meu blog vira tópico de orkut, ou enquete, entende??

Mas obrigado pela sinceridade e comentário!

Abraço!

Leonardo Stravalli disse...

O Homem procura sempre a verdade absoluta, algo inabalável para sustentar suas frágeis emoções. Tem sempre que achar algo em que se basear, nunca a idéia é verdadeiramente original, mas quem tem a vontade de viver pelo certo, nunca considerará suas idéias imutáveis antes de ouvir e pensar em cada nova possibilidade que aparece.

Por isso, acontecem as confusões, os fanatismos, porque é mais fácil se agarrar em algo que foi dito como certo por alguém e não tivemos argumentos para mudar essa certeza, do que refletir sobre os argumentos que estão à nossa frente.